Família Igreja Doméstica Testemunha da Esperança

O encontro inter-religioso anual é realizado pela Comunidade de Santo Egídio desde 1986. O encontro deste ano, realizar-se-á a 20 de outubro, sob o lema "Ninguém se salva sozinho - paz e fraternidade", e estarão presentes os líderes de várias religiões que rezarão pelas vítimas da guerra e da pandemia.

Em comunicado, o diretor da Sala de Imprensa do Vaticano, Matteo Bruni, informa que Francisco, conforme anunciado pela Prefeitura da Casa Pontifícia, participará de um momento de oração ecumênica com outras denominações cristãs na Basílica de Santa Maria em Aracoeli, Roma, e da cerimônia subsequente com representantes das grandes religiões do mundo na Praça da Prefeitura de Roma, Campidoglio.

Os líderes religiosos farão suas orações em lugares separados pouco depois das 16 horas (horário europeu). Na Basílica de Aracoeli o Papa Francisco e outros cristãos rezarão com o Patriarca de Constantinopla Bartolomeu I e representantes das várias igrejas ortodoxas e protestantes; os judeus farão suas orações na Sinagoga, muçulmanos nos Museus Capitolinos, assim como budistas e representantes das religiões orientais. Depois de cerca uma hora todos se encontrarão na Praça da Prefeitura, Campidoglio, com a presença do Presidente da República Italiana Sergio Mattarella para o início da cerimônia e de vários discursos. No final, da cerimônia será realizado um minuto de silêncio em memória das vítimas da pandemia e de todas as guerras e, por fim, juntos, os líderes religiosos acenderão o candelabro da paz.

Fonte: Vatican News