“CABO VERDE VAI SER MUITO PROMISSOR EM RELAÇÃO A RECUPERAÇÃO” FAZENDA ESPERANÇA

Um pouco mais de quatro meses da presença Fazenda Esperança em Cabo Verde, o casal brasileiro que está à frente do projecto faz um balanço positivo do trabalho realizado até agora. Bastante convicta, a voluntaria Maria Helena acredita que “Cabo Verde vai ser muito promissor em relação a recuperação” dos dependentes químicos.

Chegaram à ilha de Santiago em março passado com o propósito de ajudar as pessoas a se libertarem das drogas e do álcool e construir uma nova vida.

Os co-dependentes, ou seja os familiares são agentes chaves na recuperaçao dos “doentes”, e por isso a Fazenda Esperança aposta firmemente no apoio e na formação dos mesmos.

Falando da construção das casas de recuperaçao que está a nascer na zona da Trindade, cidade da Praia, Maria Helena disse a este site que o trabalho tem andado a bom ritmo, apesar de alguns constrangimentos no início que resultou num atraso de dois meses.

A criação do grupo de apoios a dependentes e familiares, Grupo Esperança Viva (GEV)veio trazer esperança às pessoas que acreditam realmente no tratamento e recuperaçao dos “doentes”. O GEV tem encontro marcado com os tóxico-dependentes e familiares todas as segundas-feiras na capela de Santa Teresinha na comunidade de Safende.

Em Novembro próximo Cabo Verde deverá receber umas equipas brasileiras que vão trabalhar na sensibilização, palestras, nas escolas em diferentes ilhas.

ARTIGOS RELACIONADOS:

  1. CONFERÊNCIA: “DROGAR-SE NÃO DÁ FELICIDADE”: PSICÓLOGA VENULDA VEIGA

Contactos

DIOCESE DE SANTIAGO
Avenida Amílcar Cabral/Largo 5 de Outubro
CP 46 - 7600 Praia - Cabo Verde
Telf (00238) 2611119
Fax (00238) 2614599

Email: diocese@diocesesantiago.org